Universitários se unem para auxiliar uma ONG utilizando a tecnologia

Alunos da Faculdade de Tecnologia Termomecanica vão motorizar cadeiras de rodas, implantar sistema de aquecedor solar, software para cadastro de doadores e aprimorar os conhecimentos da ONG sobre higiene alimentar

por Juliana Maffia 1.295 views0

DSC_0007

Cerca de 50 estudantes dos cursos de Administração, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Computação e Engenharia de Controle e Automação da Faculdade de Tecnologia Termomecanica-FTT estão empenhados em melhorar a vida de 36 idosos em situação de vulnerabilidade social atendidos pela ONG Casa dos Velhinhos Dona Adelaide, em São Bernardo do Campo, região da Grande São Paulo. A iniciativa é parte do Arena Solidária, um projeto de extensão universitária criado pela FTT para transformar conhecimentos da comunidade acadêmica em atitudes voluntariosas e iniciativas que visam a transformação social.

 

As ações começaram a ser traçadas no segundo semestre do ano passado. Os alunos do curso de Engenharia de Controle e Automação estão desenvolvendo um sistema de aquecimento solar e cadeiras de rodas motorizadas. O curso de Engenharia de Computação está implantando um software para cadastro de doadores e os alunos de Engenharia de Alimentos estão aprimorando os conhecimentos dos colaboradores da ONG sobre higiene alimentar e hidratação na terceira idade. Como algumas melhorias precisam de recursos financeiros para serem colocadas em prática, os estudantes de Administração apoiaram a ONG na criação de um financiamento coletivo pela internet. 

 

Com o objetivo de arrecadar R$ 18 mil para a motorização das cadeiras de rodas dos idosos e implantação das placas solares na ONG, o financiamento coletivo arrecadará verbas até o dia 1º de junho. Os interessados em contribuir com o financiamento podem acessar a plataforma Kickante pelo link a seguir:

 

https://www.kickante.com.br/campanhas/casa-dos-velhinhos-cadeiras-que-libertam

 

A diretoria acadêmica da Faculdade aposta no projeto como uma oportunidade de sensibilizar os estudantes e incentivá-los a utilizar a ciência e a tecnologia para soluções práticas e cotidianas em prol da sociedade. “A participação dos nossos alunos em projetos sociais como este contribuem para a formação integral do profissional que estamos preparando para o mercado de trabalho. Os projetos de extensão universitária possibilitam o compartilhamento dos conhecimentos adquiridos em sala de aula com a comunidade e valorizam o legado deixado por Salvador Arena, que sempre acreditou em uma sociedade mais solidária e altruísta”, completa Regina Helena Giannotti, diretora acadêmica da FTT. 

Juliana Maffia

Formada em Jornalismo e há cinco anos cuidando do Ligado na Facul, começou no portal pelo amor ao mundo digital e à escrita. Hoje, editora-chefe, o que mais a agrada é a chance de impactar universitários com o conteúdo produzido pelo site.