Domingo, 26 de Agosto de 2012 - 10h00

Quero fazer facul nos Estados Unidos

Processo seletivo tem seis etapas e custa caro. Saiba o que é avaliado


Se no Brasil os estudantes passam o ensino médio todo pensando no vestibular, nos Estados Unidos a pressão é com o application. Este é o nome dado ao processo seletivo das universidades norte-americanas.

Diferente do que ocorre por aqui, os jovens são avaliados não só pelo conhecimento, mas também por suas expectativas, sonhos e contribuições sociais.

Não basta ter boas notas. Além de um histórico escolar exemplar, os candidatos passam por novos testes e precisam ser recomendados por professores e coordenadores.

Na fase das atividades extracurriculares, os estudantes devem mostrar como aproveitam o tempo fora da sala de aula, ou seja, se praticam algum esporte, fazem trabalho voluntário, tocam algum instrumento, entre outros.

Depois de muita provação, os candidatos ainda passam por uma entrevista, em que se apresentam e mostram porque querem estudar na instituição.

Os brasileiros também podem concorrer às vagas. Mas prepare o bolso, um application custa, em média, R$ 4 mil.

Uma alternativa é o programa do governo dos EUA, que oferece 100% de bolsa. As inscrições abrem apenas uma vez ao ano, geralmente no primeiro semestre. Então, se você quer fazer facul nos EUA, é bom ficar no olho no calendário.

Por Livia Fonseca Nunes.
+ Notícias  |  Compartilhar | 
+

Copyright© 2014 | ligadonafacul.com.br | Todos os direitos reservados / All rights reserved.