Entrevista: Sérgio Ribs da Universidade Capenga

Entrevistamos o criador da página mais popular de humor para universitários!

por Mariana Lourenço 4.393 views0

Sergio Capenga

Formado em Ciência e Tecnologia pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ) e atualmente cursando MBA em Comunicação e Marketing na FGV, o mineiro de 24 anos Sérgio Ribs é o criador da “Universidade Capenga”, a maior e mais popular página de humor para universitários.

Tudo começou quando Sérgio criou um blog em 2011, o UFSJ Capenga, para contar, com tirinhas e de maneira engraçada, sobre os problemas do campus onde estudava. Quando o blog começou a ser acessado por estudantes de outras universidades, Sérgio resolveu mudar o título e criar uma página no Facebook, já como Universidade Capenga.

Em 2013, com o sucesso da página, Sérgio criou o vlog “Universidade Capenga”, hoje com mais de 10 milhões de visualizações no Youtube, falando sobre os perrengues que todos passam nesse período universitário.

E não parou por aí! Além da página e do vlog de humor, Ribs também tem projetos para ajudar os universitários: Universitário Ativo, EstagiÁrea e Portal TCCendo, todos com notícias e dicas para facilitar a vida universitária num geral.

Fizemos uma entrevista com ele para saber mais sobre a sua trajetória pessoal e profissional.

 

Ligado: Como surgiu a Universidade Capenga?

Sérgio: Nasceu como uma brincadeira. Fiz um blog para falar de problemas que aconteciam na minha faculdade e no meu campus. Em alguns meses, o blog cresceu, e eu comecei a falar sobre a vida universitária em geral. E depois de dois anos que o blog foi criado que eu comecei a fazer os vídeos para o youtube, em 2013.

 

Ligado: Na época da faculdade, o que você fazia para conseguir organizar seu tempo e conciliar os estudos com a Capenga?

Sérgio: Eu tinha a Capenga como o meu hobby. Então deixei um pouco de ver filmes, séries e outras coisas para poder me dedicar ao trabalho na internet. Eu tinha que gerenciar bem meu tempo, porque além da Capenga e dos estudos, eu participava de vários outros projetos na faculdade.

 

Ligado: Qual foi o momento mais difícil para você na faculdade?

Sérgio: Assim como a maior parte dos universitários, eu sofri uma crise de identidade, mais ou menos no fim do segundo ano de faculdade. Eu tive muitas dúvidas se realmente era o curso certo, se era a faculdade certa, e com certeza aquele foi o pior momento da minha graduação.

 

Ligado: Você viajou para a Espanha pelo Ciência Sem Fronteiras. Como foi sua experiência? Você acha que a experiência acadêmica internacional é importante para o universitário?

Sérgio: Foi uma ótima fase onde aprendi muita coisa. Além da parte acadêmica, pude crescer muito pessoalmente. Viver em uma cultura diferente e conviver com as pessoas, faz você abrir a mente para aprender novas coisas e a aprender com outros pontos de vista. Com certeza, uma experiência cultural em outro país é muito importante para que o universitário desenvolva várias competências que são extremamente importantes para o mercado de trabalho.

 

Ligado: Como você acha que os universitários podem aproveitar melhor a experiência vivida na faculdade?

Sérgio: Creio que todo universitário deve aproveitar a fase na faculdade como uma fase de evolução e aprendizado, buscando aprender não apenas sobre as matérias do curso, mas também sobre outras competências para sua vida pessoal e profissional. Assim, indico sempre que possível que o estudante participe de atividades extraclasse como Empresa Júnior, Ligas e Voluntariado.

Veja também:  Como um empresário junior se tornou trainee de uma multinacional

 

Ligado: Além da Capenga, você toca outros projetos, os TCCendo, Universitário Ativo e EstagiÁrea. Como foi o processo para criar essas outras redes?

Sérgio: O trabalho humorístico da Universidade Capenga é bem legal, mas sei que os universitários precisam de outras coisas além de entretenimento. Então criei outros projetos que tem como objetivo ajudar o jovem a aprender como se preparar para os diversos desafios que ele enfrentará na vida universitária e fora dela. Estes projetos são bem legais e os seguidores tem gostado muito da linguagem com a qual trabalhamos e os resultados que eles tem adquirido através dos treinamentos e dicas que eles aprendem com os nossos projetos.

 

Ligado: Hoje em dia, com tantos projetos, como é a sua rotina? Como você faz para administrar todas as páginas e suas respectivas redes sociais?

Sérgio: Hoje não trabalho mais sozinho. Tenho uma equipe que também ama esses projetos e trabalha continuamente para que eles cresçam e atinjam cada vez mais pessoas!

 

Ligado: Para o vlog, tem alguém que te ajuda com os vídeos ou você grava e edita sozinho?

Sérgio: O vlog é a única coisa que eu ainda faço sozinho no projeto, pois para mim é como um hobby, uma diversão, e eu gosto de curtir cada parte da produção, do roteiro à edição!

 

Ligado: Além dos projetos, você também dá palestras para universidades. Conte uma coisa engraçada que aconteceu com você enquanto dava uma palestra.

Sérgio: Certa vez eu estava dando uma palestra sobre como o universitário pode organizar mais sua vida para ter mais resultados. Eu estava usando meu próprio computador para passar os slides. Até que uma hora a apresentação travou e mostrou minha área de trabalho, que estava bem desorganizada! Aí um menino me falou no final: legal sua palestra, mas agora você precisa assistir uma sobre como organizar a sua área de trabalho!

 

Ligado: Que dica você acha valiosa para dar para todos os jovens que querem ser empreendedores?​

Sérgio: É uma dica simples, mas que se bem executada pode ajudar qualquer um a chegar mais longe: estude e coloque em prática! Não adianta querer criar um projeto legal sem saber o mínimo sobre empreendedorismo, administração, marketing e finanças. Também não adianta saber tudo isso e não tirar o projeto do papel. Por isso indico a todos que querem chegar mais longe: estudem, coloquem em prática, vejam onde erraram, corrijam, e coloquem em prática de novo!

 

Tem uma história legal para contar? Mande um email para: contato@ligadonafacul.com.br e apareça no “Você no Ligado”!